COMO A MEDITAÇÃO PODE CONTRIBUIR COM A SUA SAÚDE?

Muitas pessoas, quando pensam em meditação, tendem a relacionar essa prática como um ato místico, espiritual ou até mesmo religioso, mas você sabia que ela vai muito além disso?

Apesar de a meditação ser conhecida como uma prática milenar, ela tem recebido mais atenção agora, na atualidade. Isso porque, tem surgido diversos estudos que apontam que ao incluir a meditação em nossa rotina, ela pode contribuir com o aumento do nosso foco, concentração e do nosso controle emocional, por exemplo. Além de todas essas melhorias para a nossa saúde mental, ela também pode trazer benefícios para a nossa saúde física.

Por esses e outros motivos grandes empresas vêm investindo em espaços e aulas para promover a prática da meditação entre seus colaboradores. Com isso, a intenção delas é melhorar a qualidade de vida dos funcionários e também desenvolver suas habilidades de liderança, por exemplo.

Despertamos sua curiosidade sobre o assunto? Então continue lendo esse texto que vamos te contar mais sobre algumas técnicas de meditação e os benefícios que elas podem apresentar para sua saúde física e mental! Confira:

O que é a meditação?

Nos primórdios das civilizações orientais, a prática meditativa era vista como uma ação religiosa e/ou espiritual. Porém, conforme ela foi ganhando popularidade no ocidente, por volta dos anos 1960, foram surgindo diversos estudos científicos que comprovavam os benefícios dessa pratica não só para a nossa mente. Ou seja, a meditação favorece, dentre outras coisas, o nosso corpo também.

Sendo assim, diante desses estudos, a gente consegue definir a meditação, principalmente no ocidente, como um exercício que visa desenvolver o foco e a concentração. Com isso, a prática dela pode promover o relaxamento físico e mental, equilibrando nosso corpo e nossa mente.

uma pessoa meditando

Os principais tipos

É normal que pessoas pensem que meditar é o simples fato de sentar em silêncio e de pernas cruzadas, por exemplo. No entanto, existem vários tipos de meditação, sabia? Alguns, de fato, propõe reflexões voltadas a religiosidade ou espiritualidade. Porém, como pontuamos acima, os tipos mais praticados no ocidente são exercícios que permitem que os praticantes foquem, basicamente, em sua própria respiração e suas emoções.

Para você entender melhor sobre as práticas que tem como foco o controle das emoções, separamos alguns dos principais tipos abaixo. Vamos ver?

Mindfulness (atenção plena)

É a mais comum nos países do ocidente e não possui nenhuma referência espiritual. Ela propõe que o praticante dedique sua atenção ao momento, ao seu corpo, suas sensações, emoções e sua respiração. Existem várias formas de praticar esse tipo de meditação, porém no fim todas elas motivam a diminuição da agitação da nossa mente e uma concentração plena.

Transcendental

Da mesma forma que o mindfulness, a meditação transcendental também não envolve nenhum tipo de crença ou religião e também promove a diminuição dos níveis de estresse e ansiedade.

No entanto, a diferença entre elas é que, na transcendental não é necessário se concentrar em nenhum movimento específico do corpo, como a respiração. Nela o praticante é “livre” para deixar a mente viajar entre os pensamentos. Apesar dessa liberdade, é recomendado que a prática seja guiada, ou seja, conte com a ajuda de um professor, por exemplo.

Raja Yoga

O foco do Raja Yoga é o autoconhecimento e a busca pela plenitude. Diferente de outras práticas mais conhecidas de yoga – que é um misto de atividade física com meditação -, é possível praticar o Raja Yoga tanto parado, quanto em movimento.

A ideia dele é, ao contrário das demais práticas, preencher a mente. Isso mesmo, ao invés de tentar esvaziar a mente de pensamentos, você vai encher ela, só que com pensamentos positivos e boas energias, até que você alcance a felicidade e a paz interior.

mãe e filha realizando a um dos tipos de meditação

Que benefícios a meditação proporciona a minha saúde?

Como vimos, cada vez mais tem surgido estudos científicos sobre os benefícios que a meditação proporciona pra nossa saúde. As descobertas são muitas e constantes e as vantagens atingem tanto nossa saúde física, quanto a mental. Sendo assim, listamos alguns dos pontos positivos dessa prática abaixo, veja:

  • Redução do estresse e controle de ansiedade;
  • Contribui com a qualidade do sono;
  • Diminuição da pressão sanguínea;
  • Auxilia no combate de vícios;
  • Melhora o sistema imunológico;
  • Ajuda na redução de dores;
  • Aumenta nossa capacidade de memorização;
  • Desenvolve nossa criatividade;
  • Entre outros.

Essas são só algumas curiosidades sobre a prática da meditação e os benefícios que ela pode promover à nossa saúde. Em dias cada vez mais corridos e estressantes é muito importante a gente conseguir tirar um tempo pra relaxar e esvaziar a mente e, sem dúvidas, a meditação pode ser uma grande aliada para isso.

Curtiu? Conhece alguém que pode gostar de saber um pouco mais sobre meditação? Então compartilhe! Compartilhar conhecimento é um ato de cuidado e #CuidarÉColetivo, lembra?

DEIXE UM COMENTÁRIO